Compra online segura


Compras online seguras com smartphones e tablets.

Este ano, na época do Natal, a expectativa é atingir números recordes no número de compras feitas online. E embora a conveniência de fazer compras de Natal dessa forma deva ser observada, também é importante tomar algumas precauções de segurança antes de compartilhar informações de pagamento online (consulte: Como comprar seguro online).

Além disso, cada vez mais pessoas estão usando seus smartphones e tablets para fazer compras online. Essa mudança para dispositivos móveis apresenta seus próprios desafios de segurança específicos, incluindo aplicativos maliciosos e golpes de phishing via mensagens de texto.

Aqui estão algumas dicas de segurança para compras online que sempre devem ser mantidas em mente em todos os dispositivos.

  • Verifique se o endereço é "https: //"
    Nem todas as páginas da web são igualmente protegidas. Antes de inserir informações pessoais ou de pagamento, devemos verificar na barra do navegador se o URL começa com HTTPS e não HTTP. Essa letra simples no final, S, faz a diferença entre um site seguro e um não seguro. Outra coisa a procurar é o ícone de cadeado na barra de endereço. Este cadeado indica que uma conexão SSL (Secure Sockets Layer) foi estabelecida. O ícone é padrão para os navegadores mais populares, incluindo Internet Explorer, Chrome, Safari e Firefox.
    Em dispositivos móveis, a barra de endereço é menor e mais fácil de perder. Aumente o zoom no endereço para localizar o S antes de compartilhar as informações de pagamento.
  • Cuidado com o WiFi
    Comprar de dispositivos móveis implica em uma probabilidade maior de estar conectado a uma rede WiFi que não conhecemos.
    Devemos evitar inserir o número do nosso cartão de crédito ou outras informações privadas quando estivermos em uma conexão WiFi pública desprotegida, onde as pessoas podem espionar. É melhor esperar até voltar para casa ou para o trabalho.
  • Verifique fornecedores e aplicativos
    A Internet está cheia de lojas, algumas bem conceituadas e outras totalmente não confiáveis. Ao procurar pechinchas, pode ser tentador comprar no site que oferece o preço mais baixo. No entanto, vale a pena gastar um pouco de tempo pesquisando quaisquer fornecedores com os quais não estamos familiarizados.
    As mesmas dicas são aplicáveis ​​quando estamos usando um aplicativo móvel. Baixe aplicativos para nossos smartphones e tablets apenas de lojas oficiais, como a App Store para iOS ou Google Play para Android. Sempre verifique os comentários feitos por outros usuários nas lojas de aplicativos para ver o que eles têm a dizer.
    Outra opção é baixar um aplicativo de segurança móvel que verifica se há novos softwares e links.
  • Cuidado com phishing, smishing e golpes semelhantes
    A essa altura, a maioria das pessoas sabe que deve ter cuidado com os golpes de phishing - e-mails disfarçados de empresas ou organizações legítimas solicitando informações de pagamento ou senhas - mas de vez em quando surge um que parece incrivelmente convincente. Para ficar no lado seguro, é melhor copiar e colar todos os links em outra janela do navegador em vez de clicar no hiperlink, verificar o endereço de e-mail de origem e, em caso de dúvida, entrar em contato com a empresa para verificar o e-mail.
    SMiShing (uma sigla charmosa para "SMS" e "phishing") surgiu recentemente, enganando os desavisados ​​que não esperavam receber esse tipo de spam na forma de uma mensagem de texto.
    Como regra geral, as empresas legítimas nunca pedem informações privadas por e-mail ou mensagens de texto, incluindo informações de pagamento, nomes de usuário, senhas, nome de solteira da mãe ou número do seguro social.
  • Defina uma senha para proteger os dispositivos móveis
    É uma precaução simples e importante. Sim, levaremos mais alguns segundos para acessar o e-mail ou abrir um aplicativo, mas os smartphones geralmente contêm informações mais valiosas do que aquelas que carregamos em nossa carteira.
    Se perdermos nosso telefone ou tablet ou se ele for roubado, qualquer pessoa pode acessar a grande quantidade de dados que armazenamos nele. Mesmo que aplicativos individuais exijam uma senha, alguém pode usar nosso endereço de e-mail e número de telefone para tentar redefini-los.
  • Atualize freqüentemente
    Muitas atualizações de sistema operacional e de aplicativo corrigem problemas de segurança, buracos e bugs que podem ser explorados por hackers.
    Em nosso computador, devemos atualizar o sistema operacional quando solicitado e nos certificar de que estamos usando a versão mais recente do navegador.
    Em dispositivos móveis, a rotina é mais fácil porque os aplicativos vêm de uma loja de aplicativos central e isso nos permite ver rapidamente quais aplicativos precisam exatamente de uma atualização.
  • Use um cartão de crédito em vez de um cartão de débito
    Os cartões de crédito são uma opção de pagamento online mais segura do que os cartões de débito. A maioria dos cartões de crédito oferece proteção de compra no caso de alguém roubar o número do nosso cartão ou se fizermos um pagamento em uma loja online que ofereça um produto de baixa qualidade ou se não recebermos o produto.
    Também vale a pena gastar algum tempo revisando seus extratos bancários. Dessa forma, se alguma dessas medidas de segurança falhar, seremos capazes de detectar cobranças suspeitas o mais rápido possível.
    Fonte: CNN

Relacionado a compras online seguras:

  • Compra online segura
  • Compre online
  • Compre minhas receitas


Vídeo: Cómo comprar por Internet de forma segura - Consejos para comprar online


Artigo Anterior

As melhores inovações de 2005

Próximo Artigo

Coloque uma lâmpada na parede