Guia de oviedo


O que ver e visitar nas Astúrias?

Oviedo capital do Principado das Astúrias

Oviedo tem suas origens no século VIII. Foi fundada graças à instalação do Mosteiro de Fromestano na colina de Ovetao, onde graças à sua boa localização foi construído um sítio, depois uma vila e no século XVIII foi nomeada capital do Principado das Astúrias. De onde ele tirou seu nome. A passagem de Caminho de Santiago Pela cidade e pela criação da Universidade, eles a mantiveram como uma cidade viva e aberta a novas tendências.

Monumentos em Oviedo

  • Aqueduto Los Pilares (c / Roberto S. Velázquez-Los Pilares): foi construído no século XVI, para abastecimento de água à cidade, o que se fez até 1875. Na sua origem era constituído por 41 arcos, dos quais hoje em dia Apenas 5. Seus engenheiros foram Juan de Cerecedo "el Joven" e por Gonzalo de la Bárcena.
  • A muralha (c / Paraíso, principalmente): é de origem medieval. E quando foi construído, tinha 1.400 metros. há muito em torno da cidade. Atualmente, eles só são mantidos soltos por toda a cidade. Foi declarado Monumento Histórico-Artístico.
  • Fonte de La FoncaladaFoi construído pelo rei asturiano Alfonso III, o Grande, entre 866-910. Pertence à Alta Idade Média. Foi construído para proteger uma nascente e era para uso público.

    - Prefeitura (Plaza del Ayuntamiento s / n, tel .: 985 98 18 00): é de estilo barroco. Foi construído pelo arquitecto Juan de Naveda, junto à muralha medieval. Em 1939 foi reformado. O símbolo da cidade é o Leão de Mármore, localizado no portão principal. Antes era localizado na Plaza Mayor e depois foi transferido para sua localização atual. É o símbolo de custódia dos valores democráticos.

    - HotelLa Reconquista (c / Gil de Jaz, 16): insere-se num Palácio Barroco do século XVIII, foi o Hospital e Hospício do Principado. Foi mandado construir por D. Fernando VI e as obras foram executadas pelo arquitecto Pedro AntonioMenéndez. É de uma beleza arquitetônica incrível. Nela se hospedam todas as personalidades e reis e príncipes da Espanha, durante a entrega dos prêmios Príncipe das Astúrias Destaque: a Capela projetada pelo arquiteto Ventura Rodríguezy e construída por Manuel Reguera González. É dedicado à Virgem de Covadonga. Também se destaca o Patio de la Reina, em comemoração à visita de Isabel II.

    - Mercado e Plaza del Fontán (Pl. Del Fontán): é uma praça com pórticos situada no centro histórico e um dos lugares mais emblemáticos de Oviedo. Foi construída em 1792 pelo arquitecto Francisco Pruneda y Cañal, como praça do mercado público. Atualmente, juntamente com a praça adjacente de Daoíz e Velarde, é um ponto de encontro e um interessante mercado acontece às quintas, sábados e domingos.

  • Teatro campoamor (Pelayo, s / n): é neoclássico. Foi construído em 1883 e 1892 pelo arquitecto Juan Miguelde la Guardia, de acordo com os planos de José LópezSalaberry e Sirgo Borrajo Montenegro. A sua construção por subscrição pública da burguesia, que sentiu a necessidade de ter um teatro com capacidade suficiente e à medida das suas necessidades, na sua época foi construído com as tecnologias mais inovadoras e com grande pormenor. Desde a sua inauguração em 1892, tornou-se o centro nevrálgico da cidade. Actualmente está a ser atribuído o Prémio Príncipe das Astúrias para as artes e ciências, tendo sido remodelado e restaurado várias vezes e encontra-se em perfeito estado de conservação.

Catedral e igrejas em Oviedo

  • Catedral de San Salvador (Plaza Alfonso II, Tel.: 985 22 10 33): é no início do estilo gótico e barroco. Foi construída no século IX sobre as ruínas de uma igreja pré-românica de San Salvador de 761, que havia sido destruída pelos árabes. O rei Alfonso II mandou reconstruí-lo e dedicá-lo ao mesmo Santo e aos 12 apóstolos. É um complexo de catedral de grande interesse e tem muitos destaques como: a Câmara Santa (servia como oratório palatino, atualmente é um museu), a Cruz dos Anjos, a torre velha, o museu da igreja, a Arca Sagrada, o cemitério dos peregrinos, Casa do Capítulo, o claustro. Está perfeitamente restaurado, uma vez que não parou de restaurá-lo ao longo dos séculos.
  • Igreja de San Isidoro el Real (Pl. De la Constitución): está localizado em frente à Câmara Municipal. É um estilo classicista com elementos barrocos. Foi construída entre 1616 e 1681 pelo arquitecto Francisco Menéndez Camina, el Viejo. A sua fachada e exterior são sóbrios e, por outro lado, o interior é revestido de sumptuosidade.Em 2004 foram recuperadas 3 talhas antigas do século XVIII, que uma vez restauradas foram expostas. Um deles é o de San Isidoro, patrono da cidade. Foi declarado Monumento Histórico-Artístico.
  • Convento de Santo Domingo (Pl. Santo Domingo): está localizado nos jardins Champillín. Foi fundado em 1518 pelos Jesuítas e pregadores. Atualmente é o Colégio dos Dominicanos. Destaca-se a Igreja Matriz, declarada Monumento Nacional em 1944. Foi construída por Juan deCerecedo "El Viejo". Possui uma mistura de estilos: barroco, plateresco, gótico, neoclássico. Destacam-se ainda: o retábulo e a Capela de Nossa Senhora do Rosário, bem como o retábulo barroco da Capela do Nazareno. Seu pórtico neoclássico apresenta ornamentação em platerescada de grande beleza.
  • Capela de Nossa Senhora do Rei Casto: foi construído no século XVIII, sobre as ruínas da basílica pré-romana de Santa María, que data do século IX. É a capela do panteão dos reis das Astúrias. Em 1705 o Bispo Tomás Reluz mandou construir pelo arquitecto Bernardo de Haces. O panteão fica logo na entrada do templo e é separado do resto por grades onde aparecem os nomes dos reis ali enterrados.
  • Igreja de San Juan El Real (acesso às 3 ruas Campoamor, Doutor Casal e MelquíadesÁlvarez): foi construída sobre os restos de uma anterior, que foi demolida, edificada entre 1912 e 1915, é de estilo românico. Exteriormente, chamam a atenção as suas formas policromadas e belas (2 sineiras quadradas, um pórtico neo-românico). Dentro de suas janelas modernistas, os afrescos de sua cúpula ...
  • Mosteiro de San Pelayo (c / San Vicente, 5): pertence à ordem dos beneditinos, denominada las pelayas. Foi edificada no século X por ordem da viúva do rei Sanchoel Gordo de León, que mandou transferir as relíquias de São Pelayo, e é de estilo pré-românico. Está localizado próximo à Igreja de SantaMaría la Real de la Corte. A igreja do mosteiro foi concluída em 1601, por Bernardo de la Cajiga e Diego de Villa. Sua capa é em estilo Herreriano. Destaca-se também a fachada do vicariato barroco de estilo asturiano, adjacente ao mosteiro.
  • Igreja de San Julián de los Prados (Bº de Santullano): foi construída entre os anos 812 e 842 por ordem do rei Alfonso IIel Casto. É o maior templo pré-românico da Espanha e foi declarado Patrimônio da Humanidade pela UNESCO e também Monumento Nacional.
  • Igreja de San Tirso (Pl. AlfonsoII): foi construída no século IX, originalmente era de estilo pré-românico, mas hoje, após inúmeras restaurações ao longo dos séculos, só conserva uma janela na parte oriental, nesse estilo.

Palácios e castelos em Oviedo

  • Palácio Rúa (Plaza Alfonso II El Casto, centro histórico): é de estilo gótico tardio e foi mandada construir no final do século XV por Alonso González de la Rúa. É um palácio sóbrio com ares militares. Destacam-se a fachada e a porta principal de silhar.
  • Palácio do Marquês de Camposagrado (Plaza de Porlier, centro histórico): é de estilo barroco. Foi construída em 1710, pelo arquitecto Francisco de la Riba Ladronde Guevara e por ordem de José Bernardo de Quirós, III Marquésde Campo Sagrado. O palácio é quadrado com um pátio central e está distribuído por 4 pisos. O destaque é a sua fachada rococó na Plaza Porlier, a outra fachada é mais discreta e fica na c / San Juan. Foi declarada Monumento Histórico Artístico em 1943 e é o atual Tribunal Superior de Justiça das Astúrias.
  • Palácio Regional (C Fruela 17): é no estilo neo-francês. O governo ordenou que fosse construído em 1910 para instalar a sede do Conselho Provincial do Principado. Foi edificada sobre as ruínas do Convento de São Francisco, do arquitecto Nicolás García Rivero. O mais notável está no interior: a sua escadaria, os seus móveis, os objectos de decoração são muito bonitos, a sua sala de sessões do parlamento regional ... Actualmente é a sede da Assembleia Geral do Principado das Astúrias.
  • Palácio dos Duques do Parque (centro histórico): foi construída em 1723 pelo VII Marqués de Vallecerrato, pelo arquiteto Francisco de la RibaLadrón de Guevara. É em estilo barroco. Destaque para uma fonte localizada em uma parte de sua parede esquerda, conhecida pelo nome de Cañu de Fontán, que foi construída em 1657 e restaurada em 1989.
  • Palácio de Toreno ou Mallena (Pl. De Porlier, centro histórico): é de estilo barroco, onde nasceu o famoso político e historiador JoséMaría Queipo de Llano, VII conde de Toreno. O conde de Toreno contratou o arquiteto Gregorio de la Roza para construí-lo em 1673. Destaca-se a sua fachada assimétrica e original, construída em silhares, o seu portal de colunas, o seu pátio interior com colunas de estilo toscano. Foi declarada Monumento Histórico Artístico e é sede do Real Instituto de Estudos das Astúrias (RIDEA), que pertence ao Conselho Provincial do Principado.
  • Palácio de Valdecarzana-Heredia (Plaza de Alfonso II El Casto, cidade velha): é em estilo barroco. Foi construído no século XVII, pelo Marquês de Valdecazarna. Depois, no século XVIII, foi habitada pelo Sr. Antonio Heredia Velarde, que foi prefeito da cidade e encomendou a atual fachada ao arquiteto Manuel Reguera. Foi o casino da cidade durante o século XIX e até à República. Atualmente é a sede do Tribunal Territorial das Astúrias.
  • Palácio de Santa María del Naranco: está localizado na periferia de Oviedo, numa colina. É no estilo pré-românico Ramirense. Foi construída pelo Rei Ramiro I, para uso pessoal, entre os anos 842-850.

Museus em Oviedo

  • Santa Câmara da Capela Palatina da Catedral: Foi mandada construir no séc. IX pelo Rei Afonso II e nela se encontram os Tesouros e as relíquias sagradas da Sé de Oviedo. Entre outros tesouros que alberga: o Santo Sudário, a Arca Sagrada, relíquias da Vera Cruz, Cristo Nicodemos ( Século 12). Foi declarado Patrimônio da Humanidade pela UNESCO.
  • Museu Arqueológico das Astúrias (C / San Vicente, 3, Tel .: 985 21 54 05): está localizado atrás da catedral. Foi construído no século XX e está localizado no antigo Mosteiro de São Vicente. Abriga obras e objectos arqueológicos e etnográficos encontrados no Principado desde o período do Baixo Paleolítico Gótico, com especial destaque para o estilo pré-românico asturiano, precursor deste estilo em Espanha e na Europa.
  • Arquivo Histórico das Astúrias (C / Del Águila, s / n): Museu de história da cidade.
    Museu de Belas Artes (C / La Rúa, 8 e Santa Ana, 3, Tel.:985 21 30 61): está localizado desde 1980, no antigo Palácio de Velarde, construído em 1767 por Manuel Reguera . É de estilo barroco.
  • Museu Tabularium Artis Avulienses (CardenalInguanzo, 6, Tel.: 985 21 36 44): foi criada e patrocinada por D. JoaquínManzanares Rodríguez-Mier, com ênfase nas amostras e arqueologia asturianas pré-românicas.

Restaurantes em Oviedo

  • Restaurante El Raitán (Pl. DeTrascorrales, 6, Tel.: 98 521 42 18): restaurante típico onde são servidos os pratos típicos da cozinha asturiana; Restaurante Boots (Pl. Del Ayuntamiento, 11, Tel.: 98 521 56 90:
  • Restaurante Casa Fermín (c / San Francisco, 8, Tel.: 98 521 64 52): assinatura atualizada e cozinha tradicional;
  • Restaurante La Corrada del Obispo(c / Canóniga, 18, Tel .: 98 522 00 48): Cozinheiro tradicional asturiano;
  • Restaurante La Puerta de Nueva (Leopoldo Alas, 2, Tel .: 98 522 52 27): Autor e cozinha tradicional das Astúrias;
  • RestaurantAuditorium (3º andar do Auditório, Pl. La Gesta, Tel.: 98 527 5080): cozinha de autoria e tradicional;
  • Latores Cider Restaurant (c / Latores, s / n, Tel .: 98 527 57 99): cozinha tradicional asturiana, casa de conjardinas;
  • Restaurante Casa Amparo (Arco de los Zapatos em Fontán, tel .: 98 522 70 60): cozinha tradicional.

Região de oviedo

Ele está localizado na área dos vales centrais e montanhas. Ideal para desportos de aventura e de montanha: caminhadas, rafting, bungee jumping, canoagem, saltos, pistas de esqui, parapente, bicicletas, hipismo, montanhismo, montanhismo, bungee jumping ... É constituído pelos municípios de: Oviedo, Quirós, Belmonte de Miranda, LLanera, Grado, Nava, Cabranes, Noreña, Proaza, Somiedo, Las Regueras, Tameza, Tevergal, Riosa, Ribera de Arriba, Sariego, Santo Adriano, Salas e Siero.

  • Somiedo: Parque Natural Somiedo. Trilhas para cavalos.
  • Grau: Paisagem Protegida do Pico de Caldoveiro . Foi fundada por AlfonsoX el Sabio em 1256. Restos da muralha medieval.
    • PalaceMiranda-Caldecarzana: do século XVI, restaurado nos séculos XVII e XVIII. Atual sede da Casa da Cultura.
    • Capela das Dolores: É o edifício mais emblemático da cidade, teve a sua construção mandada construir no dia 3. Marqués de Valdecarzana em 1713-1716 e os de sua linhagem foram sepultados em sua cripta, embora durante a Guerra Civil os túmulos tenham sido profanados. É no estilo barroco, seu arquiteto foi Francisco de la Riva Ladrón de Guevara.
    • Casa da FernándezMiranda: É de estilo neoclássico e barroco, do século XVIII.
  • Proaza: Paisagem Protegida do Pico de Caldoveiro, ideal para caminhadas.
    • Igreja de Sta. Mªde Bandujo: É de estilo românico.
    • Casa do urso: museu sobre a construção da ferrovia e o que foi a Senda del Oso.
  • Tameza: Paisagem Protegida do Pico de Caldoveiro.

  • Tevergal: Paisagem protegida do Pico de Caldoveiro.
  • Quiros: Paisagem Protegida da Serra de Aramo e Paisagem Protegida de PeñaUbiña
    Morcín: Paisagem Protegida da Serra de Aramo.
    Origens pré-históricas do Paleolítico.
    • Utensílios pré-históricoss: utensílios do inferopaleolítico ou mousteriano (Paleolítico), foram encontrados no município de Castielluo Peñerúes.
    • Torreón de Peñerrudes: Século 12. Torre defensiva medieval. Foi declarado Monumento Histórico.
    • Capela de São Miguel: onde no século XII, o rei Afonso II, guardava a Arca Sagrada, que continha relíquias de Jerusalém, para protegê-los dos infiéis. A partir desse momento, a capela foi rebatizada de Santa Câmara.
    • Caverna Molín: desenhos de cavernas. Declarado um local de interesse cultural.
    • Ermidas de Arriba (dedicado a Santa Catalina ou Santiago) e de Abajo ou Santa María Magdalena de Monsacro: Declarados Monumentos Artísticos Históricos em 1992.
    • Igreja de Santa Eulália: Apresenta um estilo pré-românico e foi construído no século IX.
  • Riosa: Paisagem Protegida da Serra de Aramo.
Leitura Relacionada:
  • Restaurantes em Oviedo
  • Rota Pré-Românica
  • Fotos de Oviedo
  • Parques naturais nas Astúrias
  • Rotas e caminhadas nas Astúrias
  • Festivais nas Astúrias
  • Guia da comunidade. Autônomo do Principado das Astúrias
  • Caminho de Santiago pelas Astúrias
  • Hotéis Astúrias
  • Números de telefone de interesse nas Astúrias
  • Praias nas Astúrias

Vídeo: Oviedo desierto. Asturias Semanal. TPA.


Artigo Anterior

Nanocolóides para identificar coágulos sanguíneos

Próximo Artigo

Insulina para Alzheimer